Reklam

Bayern pune jogadores que recusaram vacina contra a Covid-19; atletas prometem ir à Justiça

Crise no Bayern de Munique. Apesar de possuir um time de estrelas, que lidera a Budesliga e com folga seu Grupo na Champions League, o time bávaro vive uma grande turbulência fora dos gramados. Tudo por conta de alguns jogadores que recusaram a vacina contra a Covid-19. Os caso pode parar nos tribunais!

Bayern pune jogadores que recusaram vacina contra a Covid-19; atletas prometem ir à Justiça
22 Novembro 2021 - 14:22 - Atualizar: 22 Novembro 2021 - 18:13
Crise no Bayern de Munique. Apesar de possuir um time de estrelas, que lidera a Budesliga e o Grupo E da Champions League, o time bávaro vive uma grande turbulência fora dos gramados. Tudo por conta de alguns jogadores que recusaram a vacina contra a Covid-19.

QUEM ESTÁ NESTA LISTA?

São os casos de: Joshua Kimmich, Serge Gnabry (foto), Michael Cuisance, Jamal Musiala e Eric Maxim Choupo-Moting, de acordo com informações do jornal "Bild". 

SEM VACINA? PUNIÇÃO À VISTA! 
Uma nova lei na Alemanha permite que o salário dos funcionários que recusaram a vacina contra a Covid seja reduzido, caso o funcionário perca dias de trabalho por conta da quarentena.

Leia Mais:
TODOS OS JOGOS E RESULTADOS DA 5ª RODADA DA CHAMPIONS
JORGE JESUS, DO BENFICA, ADMITE VONTADE DE TREINAR A SELEÇÃO


MAS ELES NÃO CONCORDAM...

É exatamente o que aconteceu com os atletas citados acima, que foram isolados após o contato com um caso positivo entre os funcionários do clube. No entanto, os jogadores não concordam com a punição e cogitam ir até os tribunais contra o Bayern. Já o clube alemão promete aumentar a pressão para eles se vacinarem.

OPINIÃO DE SANÉ, JOGADOR DO BAYERN QUE FOI VACINADO
"No fim das contas eu sou favorável à vacinação. Eu já me vacinei e falei sobre isso com o Serge (Gnabry). Quero contar com eles no time, são importantes para nós, bons jogadores", disse o jogador, que respeita a opinião do colega não se vacinar.

CASOS DE COVID NA ALEMANHA 
Os casos de Covid na Alemanha dispararam nas últimas semanas e o Governo cogita a vacinação obrigatória na população. 

OPINIÃO DO TÉCNICO
O treinador do Bayern não deixou claro sua opinião, mas não escondeu o incômodo com o assunto. "Basicamente, eu me divirto mais quando as coisas caminham suavemente. Mas não podemos cometer o erro de deixar os assuntos exteriores afetarem o lado esportivo. Esse barulho é parte do Bayern, sempre foi assim. Claro que não estou feliz com o vazamento de informações internas", disse Julian Nagelsmann. 

Qual é sua opinião sobre o assunto: A vacina contra a Covid-19 deve ser obrigatória? Ou cada um deve ter o direito de escolher se quer ser vacinado ou não?
 

COMENTÁRIOS

  • 0 Comente